Stampa estero

CORRIERE D’ITALIA- INGRANDISCI LA PAGINA >>> APRI

AISE- INGRANDISCI LA PAGINA >>> APRI

INFORM- INGRANDISCI LA PAGINA >>> APRI

INFORM- INGRANDISCI LA PAGINA >>> APRI

Print Friendly, PDF & Email
  • Plinio Marcos Rocha

    Prezado(a),

    Tendo em vista que a Corte de Cassação de Roma deferiu a extradição de Henrique
    Pizzolato, todo o esforço avaliativo da Corte de Bologna foi „jogado
    fora“, uma vez que, a primeira baseou-se, única e exclusivamente, na
    questão dos presídios brasileiros, enquanto que a segunda, estava calcada na
    legitimidade da condenação de Pizzolato, uma vez que, nos é razoável, factível,
    afirmar que tratou-se de um Tribunal de Exceção pelo caráter político e pelo
    Desrespeito ao Direito Constitucional Brasileiro.

    Independentemente de qualquer manifestação política a ser manifestada pelo
    Governo Italiano, o Judiciário Italiano acaba de MACULAR sua Respeitabilidade
    Internacional pela legitimação da condenação.

    Desculpe-me por ter ousado acreditar que os „fatos“ seriam mais
    importantes que as „vontades“.

    Com
    votos de Estima, Respeito e Consideração,

    Plinio Marcos Moreira da Rocha